Desculpa o meu jeito inseguro, perdoa amor se te fiz mal algum dia, se não fui tudo que você queria, se não fui suficiente ou boa o bastante pra estar contigo, pra te merecer. Desculpa por dias e dias ter te perturbado, ter te incomodado de alguma forma, desculpa […] Mas se fiz o que fiz não foi por mal, você sabe disso. E eu estou aqui me sentindo mal, me culpando por coisas que poderiam não ter o mínimo sentido agora, são detalhes, coisinhas, mas eu sei importam, eu me importo. Eu me sinto tão idiota, sim… idiota, por deixar escapar alguém tão tudo pra mim como você, foi burrice minha admito, você não deveria ir assim, não por caprichos meu. Eu sei tô sempre falando merda, uma asneira em cima de outra, e por isso também “me desculpa”, eu sou assim toda errada, e se um dia me amou me aceitou assim eu sei, talvez dessa vez eu tenha passado dos limites, talvez eu tenha te magoado, talvez eu.. não sei, mas exceto que fui boba o suficiente pra te deixar ir e por isso nem eu me perdoou, então não se sinta na obrigação de estar bem comigo de me perdoar, eu vou entender. Só não se esqueça amor, eu te amo e não é pouco. Daniela — (1amoramais)

Desculpa o meu jeito inseguro, perdoa amor se te fiz mal algum dia, se não fui tudo que você queria, se não fui suficiente ou boa o bastante pra estar contigo, pra te merecer. Desculpa por dias e dias ter te perturbado, ter te incomodado de alguma forma, desculpa […] Mas se fiz o que fiz não foi por mal, você sabe disso. E eu estou aqui me sentindo mal, me culpando por coisas que poderiam não ter o mínimo sentido agora, são detalhes, coisinhas, mas eu sei importam, eu me importo. Eu me sinto tão idiota, sim… idiota, por deixar escapar alguém tão tudo pra mim como você, foi burrice minha admito, você não deveria ir assim, não por caprichos meu. Eu sei tô sempre falando merda, uma asneira em cima de outra, e por isso também “me desculpa”, eu sou assim toda errada, e se um dia me amou me aceitou assim eu sei, talvez dessa vez eu tenha passado dos limites, talvez eu tenha te magoado, talvez eu.. não sei, mas exceto que fui boba o suficiente pra te deixar ir e por isso nem eu me perdoou, então não se sinta na obrigação de estar bem comigo de me perdoar, eu vou entender. Só não se esqueça amor, eu te amo e não é pouco. Daniela — (1amoramais)